segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Fail Castle

Você costumava equilibrar as peças do nosso castelinho aleatoriamente
e eu ate achava graça do modo como você tinha esse dom de conseguir empilhar tudo sem deixar cair.
Pena que depois de um tempo algumas peças foram se perdendo pelo caminho, peças importantes que serviam para sustentar o castelo todo.
Ate que finalmente caiu, infelizmente você as deixou cair.
E o que restou?
Uma pilha de peças incompletas!
Você propôs que eu te ajudasse a empilhar tudo novamente, mas eu avisei que daquele jeito cairia, você insistiu mais uma vez e o que aconteceu? ele caiu novamente...
A diferença é que não é um castelo, um lego que voce pode refazer se errar, a diferença é que esse castelo era a minha vida.
E a vida tem tempo, há limites,não se pode viver errando, saber que está errado e não fazer nada para acertar.
Você achou que eu não fosse capaz o bastante pra fazer você parar de brincar com a minha.
Mas agora eu tenho a minha própria vida, e eu sou mais forte do que você possa imaginar.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Plus do dia feliz

Foi nesse feriado, 2 de novembro
E que dia maravilhoso!
Aquele que me fez sorrir, onde pude jogar conversa fora, tomar chimarrão, tirar fotos pra registrar o momento,
Dia este em que estive rodeada de pessoas bacanas.
Foi um plus de um dia feliz tal como o que ja havia tido anteriormente.
Tão feliz, que na hora de dormir fiquei relembrando cada momento
Cada palavra, gesto,rostos, tudo, e sorria :)

Algumas pictures do dia:A vaquinha do trem xD

Minha amiga de anos, a Ritinha ( a amiga do post aqui debaixo eheuhe que eu gosto muito) e meu amigo Doug pelo pouco que conheço ja o admiro e tenho um carinho especial :)

Aí estavamos cansados a lot :P


P.S.:Espero que tenham gostado do meu post de hoje, decidi compartilhar esse dia feliz com voces. Desejo que todos tenham dias felizes e bons momentos para recordar, ótima semaninha pessoal, um grande beijoo : *


terça-feira, 2 de novembro de 2010

My Friends *-*

“AMIGOS SÃO ANJOS QUE LEVANTAM NOSSOS PÉS QUANDO NOSSAS PRÓPRIAS ASAS SE ESQUECEM DE VOAR”

Hoje fui ao parque com uma amiga minha, há tempos que não tinha tempo para meus amigos, e como isso andava me fazendo mal, me fazendo perder aquela essência.

E vivendo tempos de solidão terríveis.

Hoje foi um dia muito feliz, o tempo ajudou, o sol estava radiante.

Conversas, tiramos fotos, assuntos diversos e lembranças de quando éramos adolescentes, da época que íamos na Redenção, com nossas meias ate os joelhos, spyke,roupas pretas e all star empoeirado, xD

De inúmeras façanhas, lugares, shows, das atitudes inusitadas que cometíamos. E cara como é bom recordar, rir de momentos que deixaram saudade, e que jamais sairão da memória.

Como é bom ter um amigo, e que por mais que vocês deixem de se falar, jamais um vai esquecer do outro.E quando tornar a vê-lo a amizade vai permanecer intacta, como se vocês permanecessem juntos e não tivessem se afastado um dia sequer.

Eu me lembro de um trecho de uma música de minha infância/adolescência que traduz muitas das coisas que eu disse, ou que acabei não descrevendo como um todo.

Não há memória onde não apareçam
E nem lembranças em que elas não estejam
Tanto nos dias tristes e felizes
Foi com elas que eu ri e chorei

Se estou longe as sinto por perto
Nunca ninguém vai nos separar
Elas guardam todos os meus segredos
É um tesouro a nossa amizade...”

P.S.: Hoje não é dia nacional do amigo, mas gostaria de deixar registrado esse dia e meu devaneio em meio a esse assunto. Amigos aqueles, que, estão sempre presentes em nossas vidas, longe ou perto, virtuais ou reais, passados ou presentes, naquele em q você pensa todos os dias e que deseja que esteja bem. Não importa a distancia, não importa o dia, nem a quantidade. O que realmente importa, é a qualidade de uma amizade, e você saber preservá-la, dar valor aos sentimentos porque esse é o maior tesouro, os sentimentos q você oferece é o bem mais precioso e que dinheiro nenhum pode comprar.

Uma boa noite, e uma excelente semana meus amigos, amigos leitores e seguidores, amigos visitantes, sintam-se à vontade pra retornar sempre que quiserem, pois este blog também é de todos vocês!

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Senhorita Liberdade


Seria mais fácil se ela não tivesse suspirado tão forte, e deixado escapar tanta tristeza. Aquilo deixou tudo em evidência, ele percebeu. Era o fim dos dois, e o começo dela. Dessa vez, a cinderela ficaria além da meia noite – muito além. O último abraço foi tão difícil quanto o primeiro; não sentir nunca mais aquele perfume tão de perto parecia tão amedrontador quando senti-lo para sempre. Ela arriscou.

Enquanto ela o deixava para trás, sentia o assopro da liberdade. Aquele vento que ao mesmo tempo a fazia protagonista de um filme americano qualquer, a fazia tremer de frio – era medo - desesperadamente. Era uma extrema vontade de voar céu acima, com um medo de cair no chão inferno abaixo. Seja como for, já estava feito. Ela sobreviveria à falta de oxigênio e ao calor, ela era forte. Uma garota em busca da felicidade.

Atravessar a rua nunca foi tão difícil. Eu diria que naquele momento, ela era uma placa de transito, daquelas que todos os motoristas são obrigados a olhar: Não vire, não ande rápido, não bata. Ela tinha acabado de cometer um acidente, e ao mesmo tempo de salvar uma vida. A sua.

By Bruna Vieira